Fork me on GitHub

Grupo de desenvolvedores de PHP do estado de São Paulo
Próximos encontros e eventos? Visite a página do PHPSP no Meetup

Relato PHP Experience 2016

Nos dias 21 e 22 de março em São Paulo aconteceu a PHP Experience, um evento de ponta organizado pelo iMasters e com apoio da comunidade PHPSP que superou cada uma das minhas expectativas.

Um dia completo com 8 workshops dos mais variados assuntos como Service Bus, APIs para integrações, APIs do WordPress, Serviços com ZF2, Elastic Search, TDD, Deploy escalável e um caso de uso de apps desenvolvidos com base no WordPress. Toda a riqueza e amplitude da linguagem colocada a prova já no primeiro dia. A procura foi tão grande, mas tão grande que os workshops foram movidos para salas maiores. Isso que dá o pessoal não se inscrever nos workshops e simplesmente darem as caras. Kudos para a organização que conseguiu resolver tudo rapidamente. E esse era apenas o line-up oficial.

Desconferência na PHP Experience

Desconferência na PHP Experience

Durante todo o primeiro dia rolou no saguão uma “desconferência”, tipo um PHPSP + Pub mas sem a parte do pub. Uma rodada (grande) de sharkbowl com conversas descontraídas e bem profundas sobre bibliotecas, sistemas, soluções, mercado de trabalho, comunidades, php internals, futuro do php, vida e qualquer outra coisa que fosse sugerido.

A terça-feira foi dedicada às palestras. Eram duas trilhas, uma mais focada nos desenvolvedores (na sala chamada CPO – Chief PHP Officer) e outra com foco gerencial (na sala Use Cases Arena). Uma mistura interessante. O dia pros devs começou com o Guilherme Blanco, um dos primeiros membros do PHPSP e que hoje mora no Canadá, falando sobre as mudanças internas no PHP que o tornaram mais rápido e menos comedor de memórias na última versão. Enquanto isso, Cyrille Grandval abria os trabalhos para os gerentes e Rodrigo “Pokemaobr” Cardoso iniciou o dia falando sobre mercado de trabalho para programadores PHP.

Sala CPO - Chief PHP Officer

Sala CPO – Chief PHP Officer

O dia correu com bastante conteúdo interessante, uma produtiva conversa entre o Blanco e o segundo ruivo mais famoso do Brasil (perdendo apenas pro ruivo da propaganda) Elton Minetto sobre micro-frameworks e Composer, uma apresentação sobre a diferença entre Vagrant, LXC e Docker feita pelo Rogério Prado. Tivemos ainda o Marcel dos Santos falando sobre programação funcional e o Leonardo Tumadjian testando o formato 20×20 (20 slides, 20 segundos em cada) para apresentar o freakshow do PHP.  Ainda no formato 20×20 o Henrique Moody falou sobre o “esquecido do PHP”. E na Use Cases Arena tivemos: Marcelio Leal falando sobre Startup Developer Mindset no formato CTOTalks, Ari Stopassola mostrando como funciona a prova de certificação PHP e Marcelo Milhomem mostrando como funciona autenticação em APIs utilizando chaves RSA.

Dando continuidade aos CTOTalks Roger Mattos mostrou o case “Escalando 0 a 1 bilhão de requests com uma infra enxuta”. Seguido pela Juliana Chahoud mostrando as experiências e casos de uso com as APIs Twitter. Voltando ao palco principal o Minetto trouxe consigo o Wellington Silva, o boina, para falar de Containers x Virtual Machines e enquanto o Alexandre Gaigalas falava sobre PHP Streams a Diana Arnos apresentava a Pirâmide de Testes de uma forma bem didática e interessante. E, em seguida, enquanto o Hussani falava sobre automação o Pascutti fazia o pessoal pensar sobre DSL.

Coffee Break na PHP Experience

Coffee Break na PHP Experience

A pausa para o coffee break (muito bom, por sinal) foi essencial para recuperar o fôlego para, na sequência, o grande Ivan Rosolen mostrar os diferentes tipos de autenticação disponíveis no mercado e falar um pouco mais sobre um dos mais recentes, o JWT. Em paralelo, Bruno Ghisi estava tentando salvar casamentos com continuous delivery. Para os devs o dia terminou com o Ben Ramsey (o “cara” por trás da biblioteca mais estável e completa de UUID para o PHP) falar da história do HTTP, a versão 2 e o futuro do protocolo de comunicação que mantém a web viva. Enquanto os gerentes ficaram com Alex Piaz mostrando como aconteceu a montagem de uma estrutura de desenvolvimento e de times de desenvolvimento no Instituto Socioambiental.

The ElePHPants

The ElePHPants

O iMasters estava celebrando seus 15 anos no evento e eis que surge a surpresa: “The ElePHPants”. Uma banda formada por desenvolvedores que arrebentou num show bem bacana enquanto a cerveja e o chopp rolavam solto. Que jeito de se encerrar um ótimo evento =)

São Paulo costuma receber excelentes eventos dedicados exclusivamente ao PHP. Recentemente tivemos o PHPSP + Locaweb e essa semana tivemos a PHP Experience. Que o nível continue altíssimo desse jeito!

A PHP Experience é conferência PHP que São Paulo merece!

Sobre João Paulo

Santista roxo. Assistente de Sobrinho Jr. metido a CIO, CTO e a coisa toda. Sabe de nada mas acha que entende de alguma coisa. Fã e entusiasta de futebol, código aberto, PHP e elePHPants.

Mais posts de .